Presidente da Alerj é alvo de condução coercitiva pela PF | SBT Brasil (14/11/17)

Nesta terça-feira (14/11), a Polícia Federal cumpriu mais de 30 mandados judiciais relacionados à operação Cadeia Velha no Rio de Janeiro. A força-tarefa é um desdobramento da Lava Jato e investiga o pagamento de propina a políticos do PMDB fluminense em troca de benefícios a empresas do setor de transporte público e empreiteiras. O presidente da Assembleia Legislativa, Jorge Picciani, e outros dois deputados do partido foram levados coercitivamente para depor. O líder da Alerj é acusado pelos investigadores de usar o posto para a prática de corrupção e lavagem de dinheiro.

You may also like...